O dia primeiro de maio é o dia internacional dos trabalhadores. A data relembra os acontecimentos de 1886, na cidade de Chicago, nos Estados Unidos. Os trabalhadores reivindicavam a redução da jornada de trabalho para 8h diárias, quando o movimento foi reprimido brutalmente. Os confrontos com a polícia terminaram em mortes de ambos os lados.

No encontro da Segunda Internacional Socialista, em 1889, ficou definido que o dia 1 de maio seria o dia dos trabalhadores. A data é reconhecida internacionalmente, sendo feriado em vários países. No Brasil, a data torna-se oficial somente no ano de 1924, no Governo de Arthur Bernardes. Embora a classe trabalhadora brasileira a comemore desde antes.

Esse é uma dia para relembrar nossas conquistas, defender nossos direitos, e lutar por melhores condições de vida e de trabalho. Dentre os direitos conquistados pelos trabalhadores e o movimento sindical, dentre outros, estão a fixação da jornada de trabalho, férias, licenças, auxílios, pensões e aposentadoria. Tudo com muito sangue e suor.

O SINDJUD-PE estará presente no ato em Recife, com concentração a partir das 9h na praça do Derby. Como diz a música de Edson Gomes “vamos amigo lute, se não a gente acaba perdendo o que já conquistou!”. Querem acabar com a previdência social, não podemos deixar. Estaremos nas ruas, na luta por nossos direitos.

Sem lutas não há conquistas!

SINDJUD-PE “Fortalecer e avançar!